Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3970-1001/3970-1008

Audi testará A5 a gás no Brasil

A Audi testará no Brasil o g-tron, versão do A5 Sportback que pode rodar com gasolina ou gás. A novidade, apresentada como protótipo em meados do ano passado, tem motor 2.0 TFSI de 170 cv e 27 mkgf e câmbio automatizado de sete marchas. O modelo, que deverá ser rebatizado de A5 e-gas, será mostrado no País ainda neste ano e, embora a fabricante não confirme, sua oferta no mercado brasileiro é iminente.

O protótipo g-tron foi revelado em junho do ano passado no evento Wörthersee GTI, maior encontro de fãs da Volkswagen do mundo, que ocorre na Áustria. O tanque de gás, com capacidade para 19 kg de metano, fica na parte traseira do carro, sob o assoalho.

Para reduzir o peso, o reservatório é feito de materiais leves, como poliamida e fibras de carbono e vidro. No Brasil, o g-tron poderá ser abastecido com gás natural veicular (GNV), combustível que já tem uma boa rede de distribuição no País.

Embora o g-tron não seja focado em performance, mas em economia de combustível, com metano o protótipo da Audi pode acelerar de 0 a 100 km/h em 8,5 segundos e chegar a 226 km/h, de acordo com dados da fabricante. O consumo é de 26,3 km por quilo de gás. Com gasolina a média é de 17,3 km/l (números com combustível vendido na Europa).

Menos emissões, maior autonomia

Outras virtudes do g-tron são a redução de até 85% dos níveis de emissões de NOx, e a autonomia. Com os dois tanques (gás e gasolina), o protótipo pode rodar mais de 900 km. Um sistema automático muda o tipo de combustível utilizado quando o reservatório de metano chega a 0,6 kg.

 

Fonte: Estadão.com / Jornal do Carro

Notícias relacionadas