Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3995-4325

Petróleo WTI cai 2,7% e reverte ganhos da semana

Os futuros do petróleo WTI sofreram na sexta-feira (15) a maior queda em três semanas, revertendo todos os ganhos acumulados na semana até quinta (14). Na Nymex, o contrato futuro de petróleo WTI com vencimento em julho fechou em baixa de 2,7%, a US$ 65,06 o barril, mínima desde o último dia 6. O tombo é o maior desde a queda de 4,0% do último dia 25 de maio. Já o preço do petróleo Brent recuou US$ 2,50 e fechou a US$ 73,44 o barril.

Com o recuo de hoje, a commodity reverteu todo o ganho de 1,75% acumulado até quinta, passando a registar baixa de 1,03% no período

A commodity foi arrastada pela ansiedade do mercado em torno da reunião entre membros da Opep, que acontece daqui a uma semana, em Viena, Áustria, com receios de que alguns dos maiores produtores decidam elevar a produção do óleo.

“Os países da Opep vão avaliar níveis de produção que poderiam, potencialmente, alterar o atual equilíbrio entre oferta e demanda, e isso deixaria os preços do petróleo suscetíveis a um excesso de oferta”, diz Ben Cook, gestor de portfólios da firma de investimentos BP Capital Fund Advisors.

Agências de notícias reportaram que o ministro russo da Energia, Alexander Novak, teria dito na quinta-feira — após conversas em Moscou com seu colega saudita, Khalid al-Falih — que ambos os países dariam suporte à ideia de aumentos graduais na produção de petróleo após a restrição em curso há 18 meses.

 

Fonte: Valor Online

Related Posts