Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3995-4325

Distribuidoras aceitam pedido da Petrobras e adiam chamada

No Centro-Sul, data fica para 29/3, enquanto no Nordeste, o prazo final agora é 12/4

As distribuidoras de gás natural do Centro-Sul e do Nordeste aceitaram o pedido da Petrobras e adiaram o prazo final para entrega de propostas da chamada pública de suprimento. No caso das empresas do Centro-Sul, a data passou para 29/3, conforme a Brasil Energia havia antecipado. Já as distribuidoras do Nordeste, adiaram o prazo para 12/4.

Em nota, as empresas informaram que, além da solicitação de prorrogação pela Petrobras, o adiamento se deu por  diversos pedidos de esclarecimentos por potenciais ofertantes. Como o objetivo da chamada pública é proporcionar o maior número possível de ofertantes para estimular o mercado de suprimento de gás, as distribuidoras decidiram adiar a data final para entrega de propostas.

Na véspera, o presidente da Compagas, Rafael Lamastra Junior, havia adiantado à Brasil Energia o pedido da Petrobras de que que a chamada poderia ser prorrogada por pelo menos 60 dias, o que acabou se confirmando em nota enviada pela companhia, citando 29/3 como a nova data para entrega.

No documento, a petroleira citou como razões a fase de revisão interna da política comercial de venda de gás da empresa ao mercado, cujo processo foi impactado por aspectos como a alteração no cronograma e prazos do processo de chamada pública para contratação de capacidade de transporte da Transportadora Brasileira Gasoduto Bolívia-Brasil (TBG). O novo cronograma foi divulgado há alguns dias pela ANP.

Para a Petrobras, a mudança é salutar ao mercado e atende não só aos interessas da companhia como também outros agentes que estejam interessados em participar do processo como novos supridores. Além das questões envolvendo a TBG, há também informações sobre possível participação dos bolivianos no processo, o que até o momento não se confirmou.

Esta é a segunda vez que o prazo é adiado. Originalmente, as propostas deveriam ter sido entregues até outubro de 2018. Depois a data foi postergada para o dia 31/1.

 

Fonte: Brasil Energia

Related Posts

Leave a reply

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.