Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3995-4325

Petróleo fecha em alta após bloqueios na produção da commodity no Oriente Médio

Em dia de liquidez reduzida devido ao feriado nos Estados Unidos, o petróleo fechou em alta em Londres nesta segunda-feira, 20, após relatos de bloqueios na produção da commodity em países do Oriente Médio.

Na Intercontinental Exchange (ICE), o contrato do Brent para março fechou com ganho de 0,54%, a US$ 65,20 o barril. Já o contrato do WTI para o mesmo mês era negociado em alta de 0,20%, a US$ 58,70 o barril, às 17h05 (de Brasília), no pregão eletrônico da New York Mercantile Exchange (Nymex).

No domingo, 19, um gasoduto de exportação de petróleo na Líbia foi fechado por uma milícia, o que reduziu a produção da commodity energética nos campos de Sharara e El-Feel. No Iraque, uma greve de guardas de segurança também paralisou temporariamente a produção no campo petrolífero de Al Ahdab.

 “Tensões no Oriente Médio e interrupções no fornecimento anunciam mais uma semana forte nos mercados de petróleo”, comenta o Swissquote Bank em relatório a clientes.

O Commerzbank, por sua vez, não espera que os bloqueios na produção da commodity na Líbia durem. “Esperamos que a produção e as exportações se estabilizem em breve. Isso parece ser apoiado pela moderada resposta dos preços até agora”, afirma Eugen Weinberg, chefe de pesquisa em commodity do banco alemão.

Já o ING avalia que uma “interrupção prolongada” na produção de petróleo na Líbia poderia causar uma queda de oferta no primeiro trimestre deste ano. Segundo o banco holandês, porém, o mercado da commodity se estabilizaria no segundo trimestre.

 

Fonte: IstoÉ Dinheiro / Estadão Conteúdo

Notícias relacionadas