Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3970-1001/3970-1008

Doze Estados têm alta de 30% ou mais no consumo de GLP, aponta ANP

Diante do aumento da demanda pelo combustível durante o período da crise sanitária do novo coronavírus, o órgão regulador informou que intensificou o monitoramento da cadeia de fornecimento e de distribuição do produto e que passará, a partir de sexta-feira (17), a divulgar mapas com o panorama do abastecimento do GLP no país.

Segundo os mapas, o Estado do Paraná é onde as entregas do produto pela Petrobras estão mais atrasadas, seguido de Minas Gerais. A publicação mostra também os Estados onde há o maior crescimento no volume de vendas, com base nos dados das distribuidoras: na primeira quinzena de abril, ante igual período de 2019, Santa Catarina, São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Tocantins, Piauí, Alagoas, Paraíba, Rio Grande do Norte, Amapá e Roraima registram um aumento de 30% ou mais nas vendas.

A ANP esclareceu que acompanha o comportamento do mercado e a logística de distribuição do produto, com o objetivo de garantir a manutenção do abastecimento. O monitoramento consiste na análise dos dados de comercialização enviados diariamente pelos agentes de produção e de distribuição de combustíveis, e na construção de um constante canal de interlocução com o mercado.

Fonte: Valor Online

Notícias relacionadas