Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3995-4325

Prioridade do governo, urgência da Lei do Gás entra na pauta da Câmara

Prioridade do governo para a retomada da economia pós-covid-19, o novo marco legal para mercado de gás natural (a chamada Lei do Gás) tem um requerimento de urgência que é o primeiro item da pauta de quarta-feira da Câmara dos Deputados.

Caso aprovado, o projeto, que ainda teria de passar por mais comissões, poderá ser votado direto no plenário.

O requerimento, protocolado ainda no ano passado pelo partido Novo, é assinado por Podemos, PSDB, PSD, MDB e Republicanos, entre outros. Nenhum dos partidos de oposição subscreveu a proposta, que foi tratada em reunião entre o ministro da Economia, Paulo Guedes, e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

O projeto visa baratear o gás natural, que tem como maiores consumidores a indústria e os geradores de energia elétrica, ao quebrar o quase monopólio da Petrobras e suas subsidiárias.

Fonte: Valor Online

Related Posts