Av. Ataulfo de Paiva, 245 - 6º andar - Salas 601 a 605 – Leblon/RJ – CEP: 22440-032
+55 21 3995-4325

Compass: Compra da Sulgás dá mais poder em negociações de gás natural, dizem BTG e BofA

A aquisição da Sulgás traz muitos benefícios estratégicos para a Compass, dizem o BTG Pactual e o BofA.

Com a compra, a empresa passa a controlar mais de 67% da distribuição de gás natural no Brasil, aumentando sua força na negociação de contratos e volumes. Além disso, acelera sua expansão em diferentes partes da cadeia de fornecimento de gás natural no Brasil.

Os analistas Thiago Duarte, Pedro Soares e Henrique Brustolin, do BTG, destacam que o preço pago no leilão, de R$ 2 bilhões, é um prêmio para ter o controle a empresa.

Na visão do BTG, a aquisição da Sulgás e a da Gaspetro dão mais força para uma possível oferta de ações futura da Compass. Os analistas escrevem que ainda é necessário algum esclarecimento sobre o arcabouço regulatório da Sulgás para fazer uma avaliação concreta da aquisição.

Já os analistas Guilherme Palhares e Isabella Simonato, do BofA, ressaltam que a Sulgás teve receita de R$ 827 milhões em 2020 e uma margem de 16,5%.

O relatório do banco reforça que o volume da Sulgás hoje está um pouco limitado pelo fornecimento de gás que vem do gasoduto Galbol. Porém, os analistas acreditam que a privatização da empresa e a aceleração dos investimentos podem impulsionar o desenvolvimento de projetos de abastecimento já existentes de terceiros.

O BofA reitera que isso pode permitir que a Sulgás conecte mais clientes e melhore o mix. Os clientes residenciais representaram apenas 3,5% da receita da Sulgás em 2020, contra 19% da Comgás. Já os clientes comerciais foram de 4%, contra 5% da Comgás. “Esses dois segmentos apresentam margens acima da média e representam uma oportunidade interessante para a Sulgás”, dizem os analistas.

Recomendação

O BTG Pactual tem recomendação de compra para Cosan, com preço-alvo em R$ 39, potencial de alta de 86,4% sobre o fechamento da última sexta-feira (22). O BofA também tem recomendação de compra para a Cosan, com preço-alvo de R$ 43 por ação.

 

Fonte: Valor Online

Related Posts