Av. Ataulfo de Paiva, 245 - 6º andar - Salas 601 a 605 – Leblon/RJ – CEP: 22440-032
+55 21 3995-4325

Bahiagás e CBPM celebram acordo de cooperação técnica para uso eficiente do gás natural na mineração

 

A cidade de Irecê, no centro-norte baiano, vai ganhar uma nova unidade de mineração. O lançamento da pedra fundamental do Projeto Irecê aconteceu no dia 24/05, com a presença do governador Jerônimo Rodrigues, diversas autoridades e representantes do grupo Galvani, que vai operar a planta.

Na solenidade, a Bahiagás e a Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM) celebraram acordo de cooperação técnica, visando o desenvolvimento de ações conjuntas relacionadas ao uso eficiente de gás natural e ao fomento de práticas sustentáveis no setor de mineração.

Presente no evento, o diretor-presidente da Bahiagás, Luiz Gavazza, destacou que o projeto para atender a mineração na região abrange o desenvolvimento de todos os segmentos que podem se beneficiar com o uso do gás. “Temos potencial para atender ainda clientes automotivos, residenciais, comerciais, além de bares, restaurantes e a rede hoteleira da cidade, oferecendo um energético muito menos poluente do que os demais combustíveis fósseis”, explicou.

Gavazza enfatizou que Irecê é um polo regional importantíssimo, e a chegada da Galvani na cidade será fundamental para a geração de emprego e renda à Irecê. “A unidade gerará 900 empregos diretos e indiretos, sendo 600 durante a fase de construção e 300 durante a operação”, afirmou.

Segundo o governador Jerônimo Rodrigues, essa é uma oportunidade para a Bahiagás ampliar sua rede com a chegada a Irecê e região. “Vamos investir muito para que nós possamos chegar mais longe com o gás natural”, disse.

O Projeto Irecê vai adotar práticas sustentáveis em sua operação, tais como: não utilização de barragens de rejeito, aproveitamento integral do minério, baixo consumo de água (com 100% de recirculação no processo e sem lançamento de efluentes industriais). Haverá ainda o processo inovador de separação do cálcio e magnésio.

Fonte: Bahiagás / Comunicação

Related Posts