Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3970-1001/3970-1008

Pioneira no RN: escola opta pela segurança do gás natural canalizado

Seja para cocção de alimentos, aquecimento da piscina ou chuveiro, o gás natural canalizado, distribuído exclusivamente pela Companhia Potiguar de Gás no Rio Grande do Norte, também oferece segurança, economia e sustentabilidade para as unidades de ensino. A escola de educação infantil Arte de Crescer, localizada no bairro de Capim Macio, em Natal, é a primeira do estado a contar com os serviços da Potigás.

“Sem a necessidade de estocagem e pela própria composição do gás natural vamos ter mais segurança na escola. Além disso, tem a questão da praticidade. Trocávamos de botijão a cada cinco dias e agora não será mais necessário. Ganhamos ainda o espaço que era utilizado para o armazenamento do botijão. A economia também é outro benefício que nos levou a optar pelo gás natural canalizado”, afirma Joris Galvão, diretor geral da Arte de Crescer.

Nesse primeiro momento, a unidade irá utilizar o combustível na cocção dos alimentos oferecidos aos alunos. No entanto, outras aplicações já estão sendo estudadas como o aquecimento das piscinas. A unidade possui cerca de 500 alunos distribuídos em mais de 20 turmas do berçário ao Fundamental 1, inclusive com o sistema integral. São crianças de três meses até 10 anos, além dos funcionários que agora contam com mais segurança em virtude da mudança para o gás natural canalizado.

 “O gás natural não serve somente para a cozinha, pode ter diversas outras aplicações. E esse foi um dos motivos que nos fez optar por esse produto. Não é só gás, é energia. Já estamos com o projeto para aquecimento da água da piscina e podemos ainda ter outras utilizações posteriormente”, destacou o diretor geral da escola.

A sustentabilidade é uma das questões trabalhadas na unidade de educação infantil, o que também motivou a troca do combustível. “Trabalhamos a questão da sustentabilidade em diversos projetos. A opção pelo gás natural canalizado põe em prática esses conceitos. E não é só a composição do produto por emitir menos poluentes. É toda uma cadeia porque a utilização diminui inclusive a circulação de carros de transporte de botijões, representando ganhos para o meio ambiente”, explica.

Outras unidades de ensino interessadas em optar pelo gás natural canalizado devem solicitar um estudo de viabilidade à Potigás. Já são quase 500 estabelecimentos comerciais que utilizam o gás natural canalizado em diversas aplicações. São empresas de diferentes segmentos como bares, restaurantes, hotéis, padarias, pizzarias, buffets, lanchonetes, shoppings, supermercados, academias, lavanderias, hospitais, clínicas, laboratórios e agora escolas.

 

Fonte: Potigás /Comunicação

Notícias relacionadas