Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3970-1001/3970-1008

Após crise com combustível líquido, consumo de GNV cresce na PB

De acordo com a Companhia Paraibana de Gás (PBGás) entre os meses de maio e junho o estado registrou um crescimento de 6% no consumo médio de gás natural veicular (GNV). Em maio, por exemplo, o consumo médio foi de 87.159 m³/dia, enquanto junho aumentou para 92.397m³/dia.

Os impactos da greve dos caminhoneiros integram a lista de motivações ativadoras da mudança. “O fato que também ocasionou um aumento de quase 70% no número de conversões nas oficinas credenciadas ao Programa de Incentivo GNV da PBGás”, explicou a instituição.

De acordo com o diretor presidente da PBGás, George Morais, o desabastecimento de combustíveis líquidos por mais de uma semana despertou o consumidor paraibano e gerou uma maior procura pelo GNV. “Quem estava na dúvida para converter seu veículo, certamente se convenceu da eficiência e versatilidade do gás natural, pois além de não faltar nos postos e ser distribuído por gasodutos, o GNV proporciona uma economia de 45% em relação à gasolina”, disse.

Para aderir o GNV, o motorista deve instalar o kit e o cilindro no período de vigência do Programa de Incentivo ao GNV, em convertedoras credenciadas pela PBGás em João Pessoa (New Gás, Extra Gás e GNV Prime) e Campina Grande (Maecio Serviços e EquipeGás). Também é necessário emplacar o veículo na Paraíba e obter a vistoria do Organismo de Inspeção Acreditado (OIA), também localizados na capital e Campina Grande, retirando o documento do veículo no Detran. Depois, é só comparecer na PBGás com a documentação que comprove a conversão do veículo e receber um cheque nominal de R$ 1 mil para motoristas que converterem seus veículos para o GNV com cilindros novos e R$ 800,00 para cilindros requalificados.

Outros detalhes sobre as convertedoras credenciadas e o Programa de Incentivo ao GNV podem ser consultados no site oficial ou no Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) pelo 0800 281 01 97 ou pelo 117.

 

Fonte: T5 Paraíba

Notícias relacionadas