Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3970-1001/3970-1008

Consumo de gás natural cresce 10,3% em agosto

Levantamento indica movimento de recuperação do segmento industrial.

O consumo de gás natural no mês de agosto em todo o país foi de 61,99 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia, um crescimento de 10,3% em relação ao mês de julho, quando foram consumidos 56,18 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia.

A indústria retomou o movimento de recuperação observado durante um trimestre (abril/maio/junho), apresentando crescimento de 2,3% em agosto frente aos números de julho. Os dados integram o levantamento estatístico da Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras de Gás Canalizado (Abegás), feito com concessionárias em 20 estados.

“Acreditamos que o gás natural é estratégico para o crescimento do País e a Abegás vem mantendo diálogo permanente com todos os organismos governamentais e os agentes ligados ao mercado. Estamos empenhados em mostrar que a indústria do gás natural é um dos setores que podem colaborar para a atração de investimentos em infraestrutura no País e para a retomada da economia, o que com certeza estará refletido nas diretrizes do Governo Federal para o setor”, afirma o presidente executivo da Abegás.

 

Resultados de outros segmentos no mês de agosto

Outro reflexo do resultado positivo do segmento industrial no mês de agosto são os dados de cogeração. O crescimento foi de 5,6% em agosto frente a julho.

O consumo de gás natural veicular (GNV) no setor automotivo aumentou 1,4% na comparação com o mês anterior e 2,3% na comparação com julho de 2015, mostrando a manutenção da competitividade do GNV frente aos combustíveis líquidos no período.

No segmento comercial, o consumo de gás natural recuou 5,6% na comparação com julho. Ante os números de agosto de 2015, o percentual é positivo: 3,3%.

O mercado residencial registrou uma retração de 14% em agosto ante julho, efeito da sazonalidade do período. Já o crescimento em relação a agosto de 2015 foi de 10,3%, reflexo do investimento das concessionárias em expansão da malha de distribuição.

O consumo de gás natural para geração elétrica teve uma alta de 47% em relação a julho, puxado pelo aumento da demanda por energia elétrica na região Sudeste.


Destaques de consumo nas regiões em agosto de 2016 (ante julho/2016)

Centro-Oeste – Alta de 4% no segmento comercial.

Nordeste – Crescimento de 6,9% no segmento residencial.

Norte – Crescimento de 11,4% no segmento industrial.

Sudeste – Crescimento de 5% no segmento industrial e de 85% na geração elétrica.

Fonte: Comunicação ABEGÁS

Notícias relacionadas