Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3995-4325

Após Trump anunciar saída de acordo com Irã, petróleo fecha em queda

Os preços do petróleo diminuíram parte das perdas no fechamento de terça-feira (8), após o anúncio do presidente americano, Donald Trump, de que os Estados Unidos deixaram o acordo internacional que regula o programa nuclear do Irã e que, com isso, irão impor sanções “poderosas” ao país do Oriente Médio.

O acordo entre o Irã e um grupo de potências mundiais havia retirado a maioria das sanções norte-americanas e internacionais contra Teerã em troca de um entendimento para conter as atividades nucleares. Alguns analistas disseram que a restauração das sanções pode levar à diminuição dos estoques globais de petróleo, o que motivou a alta recente da commodity.

A produção iraniana, no entanto, “provavelmente não será significativamente impactada pela retirada dos EUA do acordo, a menos que [Trump] consiga convencer outros aliados a reimpor sanções”, disse Jay Hatfield, gerente de portfólio da InfraCap.

Os contratos do Brent para julho encerraram em baixa de 1,7%, a US$ 74,85 por barril, na ICE, em Londres, de uma mínima de US$ 73,10. Já os do WTI para junho cederam 2,4%, a US$ 69,06 por barril, na Bolsa de Mercadorias de Nova York (Nymex), depois de uma mínima de US$ 67,63 (-4,3%).

 

Fonte: Valor Online

Notícias relacionadas