Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3970-1001/3970-1008

Petróleo fecha em queda em Londres, em dia de pouca liquidez com feriado nos EUA

Os contratos futuros de petróleo operaram no vermelho nesta quinta-feira e, em Londres, os preços fecharam em baixa, em sessão marcada por baixa liquidez devido ao feriado do Dia da Independência nos Estados Unidos. Na New York Mercantile Exchange (Nymex), só houve negócios no pregão eletrônico.

Na Intercontinental Exchange (ICE), o petróleo Brent para setembro fechou em queda de 0,81%, a US$ 63,30 o barril. Já no pregão eletrônico da Nymex, às 16h08 (de Brasília), o petróleo WTI recuava 0,94%, para US$ 56,80 o barril.

As preocupações com a demanda por petróleo têm pressionado os preços da commodity. A perspectiva do mercado para o crescimento econômico mundial vem piorando, refletindo indicadores que apontam para uma desaceleração da atividade industrial em países como Alemanha, Estados Unidos, China, Japão e Reino Unido, além da zona do euro e da indústria global como um todo.

O petróleo chegou a fechar em alta no pregão de ontem após dados do Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês) dos EUA apontarem redução dos estoques americanos pela terceira semana seguida. Contudo, a queda foi menor do que as estimativas do mercado, sustentando a avaliação de analistas do Commerzbank de que o efeito sobre os preços foi temporário.

A escalada de tensões econômicas e geopolíticas também tem contribuído para o clima de incertezas e percepção dos investidores de cenário econômico mundial desfavorável. Além dos atritos entre Washington e Pequim, cuja disputa comercial não tem data-limite para resolução, as relações entre EUA e Irã vêm se deteriorando nos últimos dias, com ameaças de sanções pelos americanos e extrapolação dos limites internacionais de urânio enriquecido pelo país persa.

 

Fonte: IstoÉ Dinheiro / Estadão Conteúdo

Notícias relacionadas