Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3995-4325

Com redução da PBGás, preço do GNV baixa para R$ 2,99 nos postos da grande JP

Após a PBGÁS reduzir em 16,9% a tarifa do metro cúbico do GNV para os postos de combustíveis, o preço do GNV nas bombas já pode ser encontrado a R$ 2,99 nos postos de combustíveis localizados na grande João Pessoa. Até a manhã desta segunda-feira (10), nove postos baixaram o valor do GNV para R$ 2,99 e oito postos reduziram o preço para R$ 3,00, apenas três estabelecimentos continuam com o valor anterior.

Segundo dados do aplicativo “Preço da Hora”, o menor preço no GNV na grande João Pessoa pode ser encontrado a R$ 2,99, uma redução de R$ 0,14 em relação ao verificado na semana passada, enquanto o da gasolina mais barata é de R$ 3,79.   Neste contexto, o GNV passa a ter uma competitividade de 36% no comparativo com a gasolina, de acordo com a relação valor do combustível, desempenho e distância percorrida, em comparação à gasolina.

Em Campina Grande, a redução foi bastante significativa, o metro cúbico, que era R$ 3,54, caiu para R$ 3,24 nas bombas, enquanto o litro da gasolina mais baixo é encontrado a R$ 4,07. Lá a competitividade do GNV em relação à gasolina chega a 36%.

Para se ter ideia da economia na “ponta do lápis”, o motorista de João Pessoa que rodar 100 km por dia, por exemplo, terá uma economia de aproximadamente R$ 378,00 por mês e R$ 2.536,00 no ano. Já em Campina Grande, caso o motorista rode 100 km ao dia, economizará R$ 407,56 por mês e R$ 4.890,00 por ano.

O diretor técnico comercial da PBGás, Paulo Campos, destacou o esforço que a companhia vem tendo desde novembro de 2018 para a melhoria da competitividade da tarifa do GNV e que, somente este ano, já foram adotadas três reduções consecutivas, elevando a sua competitividade do gás natural em 36% em relação à gasolina.

“Entendemos esse momento delicado por que passam os setores da indústria e do segmento automotivo, que representam os maiores volumes de consumo de gás na Paraíba, em todo esse período de pandemia. Por isso, não medimos esforços para ajudarmos os nossos clientes a retomarem suas atividades de forma gradual e na medida do possível, fortalecendo a economia em nosso estado”, completou.

 

Fonte: Paraíba Já

Related Posts