Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3995-4325

Arrecadação com royalties deve aumentar 20% no ano

Depois de se recuperar em 2017, interrompendo uma sequência de três anos de queda, a arrecadação de royalties e participações especiais sobre a produção do óleo e gás deve crescer novamente em 2018. Segundo projeções do Centro Brasileiro de Infraestrutura (CBIE), a receita da União, Estados e municípios deve subir 20% este ano, para R$ 36,47 bilhões.

As estimativas levam em consideração um cenário mais favorável nos preços do barril do petróleo no mercado internacional e a expectativa de crescimento na produção nacional.

O CBIE estima que o preço médio do Brent para o ano é de US$ 59,74, o que representa uma alta de 10% ante 2017. A produção nacional, por sua vez, deve subir 5%, para uma média de 2,755 milhões de barris diários. As projeções também são mais favoráveis no câmbio: R$ 3,31 por dólar, ante uma cotação média de R$ 3,20 em 2017.

Em 2017, segundo o CBIE, a arrecadação totalizou R$ 30,43 bilhões, o que representa um aumento de cerca de 70%, em relação a 2016. As projeções tomam como base os dados da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) ainda não consolidados.

O crescimento registrado em 2017 não foi suficiente para que as receitas superassem o patamar de 2013, anterior ao declínio dos preços do barril no mercado internacional, quando os valores recolhidos somaram R$ 49,4 bilhões em termos nominais.

 

Fonte: Valor Online

Related Posts