Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3970-1001/3970-1008

PBGÁS discute medidas de incentivo ao uso do GNV com taxistas

Novas medidas para incentivar a utilização do Gás Natural Veicular (GNV) para motoristas profissionais foram discutidas na sexta-feira (18), durante reunião entre representantes da Companhia Paraibana de Gás (PBGÁS) e dos taxistas. Dentre as medidas discutidas estão novas campanhas de incentivo, reunião com convertedoras e órgão de inspeção e aumento do valor do bônus para quem instalar kits GNV em oficinas credenciadas.

O encontro realizado na sede do Sindicato dos Taxistas da Paraíba (Sindtaxi) e contou com a participação do diretor técnico comercial, Jailson Galvão, dos gerentes Alairson Gonçalves Filho (Mercado Automotivo), Clóvis Gaião (Comunicação Institucional), e o analista de processos, Arménio Pereira, o presidente do Sindtaxi, Adauto Braz,  O presidente da Associação dos Taxistas da Paraíba, Flaviano Oliveira e outros representantes da categoria.

O diretor Técnico Comercial da PBGÁS, Jailson Galvão, falou sobre as vantagens do GNV em relação aos combustíveis líquidos e sobre ações que serão tomadas para fortalecer o segmento no Estado.

Jailson também esclareceu sobre alguns mitos em relação ao GNV de que prejudica o desempenho do motor, demonstrando que os kits mais modernos dialogam perfeitamente com o motor do veículo que roda em média 3 km a mais por litro ou metro cúbico. “O GNV sempre foi mais vantajoso em relação aos combustíveis concorrentes e hoje possibilita uma economia superior a 40%, que é importante para consolidação de qualquer negócio”, esclareceu o diretor.

O gerente de mercado Industrial e Automotivo da PBGÁS, Alairson Gonçalves Filho destacou a importância da aproximação e da abertura do diálogo com uma das principais categorias de usuários do GNV os taxistas. “Este contato nos leva a um melhor entendimento sobre os pontos que podemos desenvolver para que o GNV siga firme em sua  trajetória de crescimento, proporcionando aos motoristas menor gastos com combustível”, destacou.

Os representantes da PBGÁS também ouviram sugestões dos representantes dos taxistas para aumentar a competitividade e aumentar a utilização entre os motoristas profissionais. O presidente do Sindicato Adauto Braz destacou a importância desse diálogo da PBGÁS com a categoria de forma transparente e aberta para que o uso do GNV possa contribuir para a melhoria da renda dos taxistas que vivem um momento difícil.

 

Fonte: PBGÁS / Comunicação

Notícias relacionadas