Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3995-4325

Petróleo fecha em queda com mercado arisco

Os preços do petróleo fecharam em queda nesta segunda-feira (13), com o Brent tocando o menor patamar em mais de três meses, enquanto o WTI chegou a marcar o menor valor em sete semanas.

A força do dólar, que ronda os maiores patamares em 14 meses ante uma cesta de divisas, pesou sobre a commodity, que sentiu ainda a turbulência nos mercados devido à crise na Turquia.

Na Nymex, em Nova York, o contrato de petróleo WTI com vencimento em setembro fechou em queda de 0,64%, a US$ 67,20 o barril. Na mínima, bateu US$ 65,71, menor patamar desde 22 de junho (US$ 65,32, considerando o mesmo contrato de setembro).

Em Londres, o petróleo Brent para outubro caiu 0,27%, a US$ 72,61 o barril. No piso, foi a US$ 71,04, mínima para esse vencimento desde 2 de maio (US$ 71,01).

A contínua queda da lira turca (que hoje chegou a se desvalorizar quase 11%) tem afetado o sentimento de investidores em relação a mercados emergentes e abalado os mercados na Europa e nos EUA. O receio é que a piora da confiança prejudique as expectativas de crescimento econômico global e, com isso, provoque redução de demanda por petróleo.

A percepção de que a oferta da commodity está mais alta também tem influenciado negativamente os preços. A produção média diária na Opep subiu em 41 mil barris em julho, para 32,32 milhões, informou o cartel. A Opep elevou ainda estimativas de oferta de petróleo por parte de rivais para o restante do ano.

 

Fonte: Valor Online

Related Posts

Leave a reply

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.