Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3995-4325

Etanol sobe em 19 Estados e no DF puxado por alta da gasolina, diz ANP

Os preços do etanol hidratado (que abastece diretamente os veículos) subiram nos postos da maior parte do país na semana móvel encerrada em 29 de setembro, acompanhando, de forma geral, a alta da gasolina, de acordo com levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustível (ANP). Mas a vantagem do biocombustível sobre a gasolina manteve-se preservada em seis Estados e no Distrito Federal.

No período, o litro do etanol ficou mais caro nos postos de 19 Estados e do DF. Em seis Estados, o preço recuou em comparação com a semana anterior. No Amapá, onde a pesquisa só está sendo feita em um posto, o preço fico estável.

A valorização do etanol foi puxada basicamente pelo comportamento de preços da gasolina, que também subiram na semana encerrada em 29 de setembro. A gasolina subiu nos postos de 24 Estados e no Distrito Federal. Em alguns Estados, o litro do combustível fóssil chegou a ser vendido por mais de R$ 5, como no Acre (R$ 5,347), no Rio de Janeiro (R$ 5,056) e em Tocantins (R$ 5,041).

Com isso, o etanol continuou economicamente mais vantajoso do que a gasolina em seis Estados e no Distrito Federal. A vantagem é observada quanto o preço do biocombustível está abaixo de 70% do valor da gasolina — patamar em que os dois combustíveis têm o mesmo rendimento para a média da frota flex brasileira.

A vantagem maior do etanol é observada em Mato Grosso, onde o preço do biocombustível ficou em R$ 2,81 o litro, ou 58,4% do valor da gasolina no Estado. Em São Paulo, principal polo consumidor, o etanol ficou em 60% do valor da gasolina, a R$ 2,685 o litro.

 

Fonte: Valor Online

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Você deve ser logado postar um comentário.