Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3970-1001/3970-1008

Novo Mercado de Gás atrairá R$ 50 bilhões

Recursos devem ser utilizados para melhorar infraestrutura e permitir absorver a oferta proveniente do pré-sal

O programa Novo Mercado de Gás deve atrair mais investimentos para o setor de gás natural do país. A previsão é que sejam aportados R$ 50 bilhões até 2030 para a melhoria da infraestrutura, segundo informou Bento Albuquerque, ministro de Minas e Energia, durante reunião da Comissão de Serviços de Infraestrutura do Senado nesta terça-feira (26/3).

O ambiente favorável aos investimentos, pontuou ele, só será possível com o aperfeiçoamento do marco legal. Dentro desse contexto, o país poderá dobrar sua produção nacional, saindo dos atuais 112 milhões de m³/dia para 220 milhões de m³/dia. Para isso, é preciso melhorar a infraestrutura para que possa absorver a oferta proveniente do pré-sal.

Atualmente, o setor é fortemente concentrado nas mãos da Petrobras, que detém 75% da produção nacional, 100% da importação e 40% do consumo interno – já que grande parte do gás vai para as plataformas de produção ou em outros processos como o refino. Além disso, a estatal possui participação societária em 20 das 27 distribuidoras de gás do país.

O Novo Mercado de Gás foi anunciado no último dia 21/3, em coletiva de imprensa. Na ocasião, Bento Albuquerque disse que as linhas gerais do programa e o cronograma de trabalho seriam apresentados até o fim de junho.

 

Fonte: Brasil Energia

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Você deve ser logado postar um comentário.