Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3970-1001/3970-1008

Atraso nas negociações do Gasbol não afeta suprimento de gás natural em Santa Catarina

As cinco distribuidoras atendidas pelo Gasbol (MSGÁS, GasBrasiliano, Compagas, SCGÁS e Sulgás) encaminharam correspondência no dia 28/11/2019 ao Comitê de Monitoramento da Abertura do Mercado de Gás Natural do Ministério de Minas e Energia e ao Ministério da Economia destacando as propostas obtidas na chamada pública de gás natural e as limitações para viabilização de suprimento por novos agentes. Entre elas estão a ausência de regramento para acesso às infraestruturas essenciais de transporte e a incompatibilidade de prazos entre os vencimentos dos atuais contratos das distribuidoras com a chamada pública de capacidade de transporte da Transportadora Brasileira Gasoduto Bolívia-Brasil S/A (TBG).

A recente postergação da chamada pública da TBG ratifica as dificuldades apresentadas pelas distribuidoras para viabilização da entrada de novos agentes supridores. Apesar deste atraso, as negociações de suprimento para Santa Catarina não serão afetadas e o abastecimento do Estado a partir de abril de 2020 está garantido, pois as negociações estão focadas com a Petrobras, agente que detém atualmente a capacidade de transporte do Gasbol.

 

Fonte: SCGÁS / Comunicação

Notícias relacionadas