Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3995-4325

Comgás: São Paulo não terá corte de gás encanado até o mês de maio

A interrupção do fornecimento de gás de consumidores residenciais e pequenos comércios estão suspensas no estado.

O anúncio foi realizado pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB). Segundo ele, o acordo entre a administração estadual e Comgás terá validade até 31 de maio.

A medida também será válida para hospitais e unidades de saúde. Durante o mesmo período as indústrias estão liberadas do consumo mínimo obrigatório do volume contratado. A medida ocorre por conta da pandemia de coronavírus.

“Até 31 de maio de 2020, nenhuma residência, nenhum centro de consumo de gás encanado, através da Comgás, poderá interromper o fornecimento de gás”, afirmou o governador.

“Pedimos e fomos atendidos pelo Comgás, que compreendeu a importância deste momento, suspendendo multas para indústrias que não consumirem o mínimo previsto em contrato. Evidentemente, há uma demanda menor, mas não haverá multa para estas empresas”, disse Doria.

 

Fonte: Agora

Related Posts