Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3970-1001/3970-1008

Arnóbio Cavalcanti Filho assume presidência do conselho da Abegás

O diretor-presidente da distribuidora Algás (Alagoas), Arnóbio Cavalcanti Filho, foi eleito nesta quarta (1º) para a presidência do Conselho da Abegás. A associação elegeu o novo colegiado para a gestão 2020-2023.

“A possibilidade de ter acesso a outros agentes de suprimento de gás é uma de nossas prioridades, além de todo o trabalho que a entidade tem para desenvolver o mercado por meio de políticas que estimulem novos usos do gás natural – principalmente no setor automotivo, com a adoção do gás em veículos de transportes de carga e de passageiros. Só será possível aumentar a oferta se a criação de demanda for pensada conjuntamente”, afirma Cavalcanti Filho, em nota enviada pela instituição.

A vice-presidência é do diretor-presidente da Compagas (Paraná), Rafael Lamastra Junior, que destaca a necessidade de ampliação em investimentos.

“Incluindo a sensibilização de todos os agentes envolvidos com o necessário aumento da nossa infraestrutura de transporte e distribuição”, afirma Lamastra.

“É um momento oportuno para fortalecer ainda mais a entidade e valorizar o setor de distribuição. E de garantir que, ao sair da crise, tenhamos o negócio do gás canalizado equilibrado e apto a atender às demandas da retomada do desenvolvimento da economia”, diz o executivo da Compagas.

O executivo destacou que as distribuidoras passam por um momento desafiador, em decorrência da pandemia de covid-19, mas “ao mesmo tempo, vemos esses próximos anos como um período de oportunidades. Como legítima representante de um dos elos mais relevantes da cadeia, o de downstream, a Abegás é uma entidade fundamental no debate de um projeto nacional de desenvolvimento do setor que beneficie toda a sociedade”, diz.

O Conselho de Administração é composto por mais sete integrantes.

  • um da região Centro-Oeste: Rui Pires dos Santos, da MSGás;
  • dois da região Nordeste: Hugo de Santana de Figueirêdo Junior (Cegás) e Luiz Raimundo Barreiros Gavazza (Bahiagás);
  • um da região Norte: José Carlos de Salles Garcez (Gás do Pará);
  • dois da Sudeste: Pedro Magalhães Bifano (Gasmig) e Nelson Roseira Gomes Neto (Comgás);
  • e um da região Sul: Carlos Ivan Camargo de Colón (Sulgás).

Fonte: Epbr

Notícias relacionadas