Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3995-4325

Erdogan anuncia maior descoberta de gás natural no Mar Negro

O presidente Recep Tayyip Erdogan anunciou na sexta-feira (21) que a Turquia descobriu o maior campo de gás natural de sua história, contendo 320 bilhões de metros cúbicos de gás no Mar Negro, e que novas descobertas podem ser realizadas à medida que o país trabalhar no desenvolvimento desses recursos, cuja exploração deve começar em 2023.

Se o gás puder ser extraído comercialmente, a descoberta poderia ajudar Ancara a reduzir sua atual dependência de importações –de países como a Rússia, Azerbaijão e Irã– para atender a uma parcela substancial de suas necessidades de energia.

“A Turquia fez a maior descoberta de gás natural de sua história no Mar Negro”, anunciou Erdogan, acrescentando que o país tem por objetivo se tornar exportador de energia.

O navio de prospecção Fatih começou a trabalhar no mês passado em uma zona designada Tuna-1, cerca de 160 quilômetros ao norte da costa turca, no oeste do Mar Negro. Todos os testes e trabalhos de engenharia foram concluídos, segundo Erdogan.

“Essa reserva na verdade é parte de uma fonte muito maior. Se Deus quiser, muito mais virá. Como país que dependeu do exterior para seu gás por muitos anos, aguardamos o futuro com mais segurança, agora”, ele disse. “Não vamos parar até que nos tornemos exportadores de energia”.

Qualquer redução no custo de importação de energia pela Turquia, que atingiu os US$ 41 bilhões no ano passado, melhoraria as finanças do governo e ajudaria a aliviar o crônico déficit em conta corrente do país, que ajudou a colocar a lira em queda recorde diante do dólar.

A moeda turca ganhou força depois que Erdogan anunciou a executivos do setor de energia, na quarta-feira, que ele tinha “boas notícias” a anunciar. Mas a lira caiu depois que ele detalhou a descoberta, e registrava baixa de 0,4% às 12h47, horário de Greenwich.

Funcionários do governo e analistas haviam acautelado que demoraria uma década para que qualquer gás do Mar Negro chegasse ao mercado, e que bilhões de dólares de investimento seriam necessários para construir a infraestrutura de produção e suprimento.

A Turquia vem explorando o Mar Negro e o Mediterrâneo, em busca de hidrocarbonetos. No Mediterrâneo, suas operações de prospecção em águas disputadas atraíram protestos do Chipre e da Grécia.

Erdogan anunciou que a Turquia aceleraria suas operações no Mediterrâneo.

Fonte: Folha.com / Reuters

Related Posts