Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3970-1001/3970-1008

Tribunal do Cade decide venda da Liquigás

O tribunal do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) decide nesta quarta-feira (28/2) o destino da compra da Liquigás pelo grupo Ultra, cuja negociação vem se arrastando desde o ano passado. Será analisado o relatório da conselheira Cristiane Alkmin Junqueira Schmidt e a expectativa é que ela acompanhe a recomendação da superintendência geral do órgão e reprove a transação.

Em comunicado ao mercado, divulgado no último dia 28/9, o Cade informou que estendeu por mais 90 dias o prazo para concluir a avaliação da venda da empresa de gás liquefeito do petróleo (GLP), que hoje é uma subsidiária da Petrobras, mas está em venda, dentro do processo de desinvestimento da companhia.

Em junho do ano passado, o Cade solicitou informações de outros concorrentes e clientes sobre o mercado de GLP e as empresas consultadas pelo órgão apontaram que a venda poderia gerar impactos negativos para a concorrência.

Semanas antes, o Cade já havia vetado a compra da rede de postos de combustíveis Alesat pela Ipiranga, alegando riscos concorrenciais em algumas regiões do Brasil, sinalizando uma mudança de postura do conselho quanto à defesa da concorrência.

 

Fonte: Brasil Energia Online

Notícias relacionadas