Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3995-4325

Petróleo fecha em alta com Arábia Saudita e baixa dos estoques nos EUA

Os preços do petróleo fecharam em alta na quinta-feira (26), puxados por ataques a petroleiros da Arábia Saudita e pela queda dos estoques da commodity nos Estados Unidos.

Em Nova York, o petróleo WTI (setembro) subiu 0,45%, a US$ 69,61 o barril. Em Londres, o Brent (setembro) ganhou 0,83%, a US$ 74,54 o barril.

O petróleo teve impulso após a Arábia Saudita informar a suspensão, temporária, de remessas da commodity através do Estreito de Bab el-Mandeb. A suspensão se deve a ataques a dois navios-tanque pela milícia iemenita Houthi. O Estreito de Bab el-Mandeb, que abrange Iêmen, Djibuti e Eritreia, conecta o Mar Vermelho ao Mar Arábico e é uma das maiores hidrovias do mundo para petróleo bruto e outros produtos petrolíferos.

Riad ainda pode usar seu megaoleoduto leste-oeste para transportar petróleo bruto de seus campos no Golfo Pérsico para a cidade de Yanbu, no Mar Vermelho, contornando o Estreito de Bab el-Mandeb e mantendo o mercado europeu abastecido.

Um outro fator que mexeu com os preços do petróleo hoje foram os dados que mostraram que os estoques de petróleo bruto nos EUA caíram na semana passada ao menor nível desde 2015. O alívio em tensões comerciais entre os Estados Unidos e Europa também influenciou o mercado da commodity.

Fonte: Valor Online

Related Posts

Leave a reply

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.