Av. Alm. Barroso, 52 - sl 2002 - Centro- RJ
+55 21 3970-1001/3970-1008

Empresas buscam fornecedor de gás

Em meio às perspectivas de redução da participação da Petrobras no mercado de gás natural e diante da proximidade do fim do contrato para importação da Bolívia, as distribuidoras de gás canalizado estão em busca de novas fontes de suprimento. Na próxima semana, serão lançadas, num esforço conjunto envolvendo 12 concessionárias, duas chamadas públicas para contratação de gás para fornecimento a partir de 2020.

Gas Brasiliano (SP), Compagas (PR), SCGás (SC), Sulgás (RS) e MSGás (MS) se uniram para promover uma chamada pública para aquisição de 10 milhões de metros cúbicos diários (m3 /dia). Já no Nordeste, Algás (AL), Bahiagás (BA), Cegás (CE), PBGás (PB), Copergás (PE), Potigás (RN) e Sergás (SE) farão uma segunda chamada. para contratação de 9,4 milhões de m3 /dia.

Os contratos serão assinados entre cada distribuidora e supridor. A ideia de se juntarem é dar escala ao processo de contratação e, assim, atrair a atenção dos grandes fornecedores. Juntas, as 12 empresas representam 30% do mercado brasileiro de distribuição.

A expectativa é receber as propostas este ano e assinar os contratos no início de 2019. No Nordeste, a ideia é aproveitar que os contratos com a Petrobras vencem em, em sua maioria, no fim de 2019, para reduzir a dependência da estatal. Já as empresas do Sul, MSGás e GasBrasiliano querem buscar fornecedores para suprir o mercado após o término do contrato de importação da Bolívia, em 2020.

“Esperamos que tenhamos um processo de pluralidade de supridores”, disse o presidente da SCGás, Cosme Polese.

 

Fonte: Valor Econômico

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Você deve ser logado postar um comentário.