Av. Ataulfo de Paiva, 245 - 6º andar - Salas 601 a 605 – Leblon/RJ – CEP: 22440-032
+55 21 3995-4325

Copergás assina acordo inédito com a Shell

A Copergás e a Shell assinaram acordo de suprimento de gás natural válido para os anos de 2022 e 2023. O contrato é pioneiro no Brasil, tornando a Copergás a primeira distribuidora de gás canalizado do País a contar com outra supridora além da Petrobras, a ser atendida pela malha de gasodutos de transporte do país. A cerimônia virtual de assinatura teve a participação do governador Paulo Câmara; do secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, Geraldo Julio; do presidente da Copergás, André Campos, e dos presidentes da Shell do Brasil, André Araújo, e da Shell Energy do Brasil, Christian Iturri, entre outros.

A companhia pernambucana lançou o edital de chamada pública em 17 de setembro do ano passado. Oito empresas se inscreveram, apresentando 18 propostas. A vencedora foi a Shell, que vai fornecer à Copergás 750 mil m³ diários a partir de janeiro de 2022 e 1 milhão de m³ diários em 2023. O volume faz parte do primeiro lote de contratação previsto no edital.

O governador Paulo Câmara destacou a parceria pioneira entre Copergás e Shell e disse que, com a nova supridora, a companhia pernambucana terá aumentada sua competividade, com impacto no aumento de clientes da companhia. “Investir em Pernambuco vale a pena, vocês vão ter condições de avançar e nos ajudar nessa retomada. Pernambuco fez um grande trabalho no controle da pandemia e temos pressa para retomar a geração de empregos, para gerar empregos e melhorar a infraestrutura”, afirmou o governador.

Para o secretário Geraldo Julio, o acordo representa “um momento histórico do mercado de gás no Brasil”, acrescentando que os resultados irão impactar diretamente na competitividade industrial do Estado e na melhoria da qualidade de vida das pessoas.  “A Copergás se coloca hoje como pioneira no país”, disse ele.

Segundo o presidente da Copergás, André Campos, a empresa pernambucana “assume posição de destaque no cenário nacional” ao firmar esse primeiro acordo, em um momento de abertura do mercado brasileiro de gás natural.  “Esse trabalho pioneiro da Copergás pretende consolidar o compromisso do governador Paulo Câmara e do secretário Geraldo Júlio com o desenvolvimento sustentável de Pernambuco. Estamos levando o gás natural aos principais polos econômicos do Estado e também abrindo novas fronteiras para que a criação de emprego e renda chegue a todas as regiões. O gás natural será um dos indutores dessa expansão”, disse ele. Para André, o acordo com a Shell será referência para outras companhias estaduais do setor, no sentido da busca da diversificação de supridores, garantindo maior competitividade e estabilidade de preços.

O presidente da Shell do Brasil, André Araújo, ressaltou a força da economia pernambucana e a importância do gás natural para o desenvolvimento da indústria. “Pernambuco conta com um parque industrial diversificado e em crescimento, e, para diversos setores, o gás natural é um insumo estratégico”, afirmou ele.

A teleconferência contou ainda com as presenças dos presidentes da Mitsui, Taira Nozaki, e da Gaspetro, Ricardo Mello – as duas empresas são sócias do Governo de Pernambuco na Copergás. Da companhia pernambucana, além de André Campos, estavam presentes o diretor técnico-comercial, Fabrício Bomtempo, o diretor administrativo-financeiro, Luciano Guimarães,  o presidente do Conselho de Administração, José Jorge Vasconcelos Lima, e os integrantes da comissão do processo da chamada pública: Fábio Morgado (assistente da Diretoria Técnica-Comercial); Renan Bezerra (assistente da Diretoria Administrativa-Financeira); Pedro Coelho (analista financeiro) e Sheila Santana (supervisora jurídica).

Do Governo do Estado também participaram a vice-governadora Luciana Santos; os secretários-executivos Ana Paula Vilaça (Atração de Investimentos e Estudos Econômicos) e João Guilherme Ferraz (Executivo de Secretário Energia, Infraestrutura e Implantação de Projetos), além dos presidentes de Suape, Roberto Gusmão, e da AD Diper, Roberto Abreu e Lima.

 

Fonte: Copergás / Comunicação

Related Posts