Av. Ataulfo de Paiva, 245 - 6º andar - Salas 601 a 605 – Leblon/RJ – CEP: 22440-032
+55 21 3995-4325

Com apoio da MSGÁS, Jogos Escolares da Juventude mobilizam atletas de 24 municípios de MS

A MSGÁS (Companhia de Gás de Mato Grosso do Sul) realizou em 2020 uma chamada pública de patrocínios para projetos de esporte e cultura do Estado. Foram contempladas três entidades, dentre elas a Fundação de Desporto e Lazer do Mato Grosso do Sul (Fundesporte), que neste último final de semana, em Campo Grande, realizou a primeira etapa dos Jogos Escolares da Juventude, evento que contou com a participação de aproximadamente 300 atletas de 24 municípios sul-mato-grossenses.

 “É uma grande satisfação poder fomentar cada um desses projetos e, sobretudo, o desporto escolar sul-mato-grossense. Pretendemos trabalhar para que essa torne-se uma prática recorrente em nossas operações, uma vez que o incentivo tem como principal aspiração cumprir o papel social da companhia em devolver à sociedade de Mato Grosso do Sul parte do valor agregado resultante dos negócios”, destacou o diretor-presidente da MSGÁS, Rui Pires dos Santos. A Companhia destinou cerca de R$ 200 mil para a realização dos Jogos Escolares.

Para o diretor-presidente da Fundesporte, Marcelo Ferreira Miranda, a participação da MSGÁS resulta de uma ‘visão de gestão moderna’. “Um recurso que era pra ser pago em imposto e foi recanalizado para incentivar crianças e jovens nessa fase tão importante. O esporte, sem dúvidas, transforma vidas e hoje os Jogos Escolares têm projetado o estado nacionalmente. Somos referência em desporto escolar no Brasil, um trabalho de muita qualidade desde 2015 e, agora, com o apoio da MSGÁS podemos dar uma qualidade ainda maior, dar mais qualidade aos nossos jogos, melhores condições dos treinamentos e assim fazer com que Mato Grosso do Sul se aprimore cada vez mais no desporto escolar que, além de ser a base do esporte, tem uma função social muito grande”, pontua.

O secretário de Estado de Infraestrutura Eduardo Riedel esteve nos jogos e pontua que Mato Grosso do Sul saiu na frente, mais uma vez. Ele ainda parabenizou a Fundesporte pela qualidade do evento e pela retomada segura do evento esportivo-escolar: “É o primeiro do Brasil, saímos na frente na retomada. É impressionante como os alunos estão ávidos para retomar atividades e por fazer seu trabalho. Tudo feito com muita organização, todos os protocolos sendo conduzidos de maneira adequada para prestigiar os campeões de várias cidades do Estado.”

O professor Miller Samorio, técnico da equipe de Amambai, acredita que os Jogos Escolares são de extrema importância para valorização do esporte e descobertas de promessas no esporte. “Os jogos revelaram talentos da nossa aldeia. Os jovens da etnia Guarani-Kaiowá se dedicaram e, inclusive, temos um destaque nacional dentre eles, o Yuri Benites. Ele hoje é um dos grandes atletas no Dardo. Já foi campeão brasileiro Sub-20, disputou a etapa sulamericana escolar e foi campeão”, conta.

Na Capital, os atletas disputaram oito modalidades: atletismo, badminton, ciclismo, judô, natação, tênis de mesa, vôlei de praia e xadrez. Os Jogos, realizados pelo Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, por intermédio da Fundação de Desporto e Lazer (Fundesporte), ainda serão realizados nos municípios de Dourados, em setembro, e Três Lagoas, no mês de outubro.

Fonte: MSGÁS / Comunicação

Related Posts